O Brasil Não Ganhou a Copa! E Agora?

By Camila Oliveira - 12.7.14

Lei de Murphy 
"Entre dois acontecimentos prováveis, sempre acontece um improvável. "

Pois é... Inesperadamente o Brasil perdeu a Copa de um jeito que jamais poderíamos imaginar! Torcedores choraram, vândalos brigaram, alguém perto de você disse que já pressentia que iria acontecer e pasmem, até um rapaz acertou no bolão contra aproximadamente 145.000 outros apostadores.

Na hora do choque pareceu tão impossível quanto histórias contadas sobre outras dimensões, mas aconteceu! É fato e está aí, ainda desequilibrando especialistas e amadores em busca de explicação.

Algo assim não se explica, acontece! Como tantos outros fenômenos absurdos ou ainda pequenos milagres dos quais desacreditamos e estão lá diariamente nos sites e jornais, se tornando cada vez mais conhecidos com a expansão da tecnologia.

O real problema não está em perder! Mas sim na herança que isso agregará, no legado manchado de um país que batia no peito e ria um pouco mais quando falava ser o melhor do mundo no futebol. 

Como ficará o psicológico dos futuros jogadores que terão a missão de limpar essa derrota e ainda ganhar o Hexa tão sonhado? Como os outros países nos recepcionarão pelos próximos quatro anos? Sem falar na política e sociedade que com certeza sofreram e sofrerão duros golpes. 

Resta a consciência de que agora é hora de correr atrás do prejuízo, não se permitindo diminuir ou jogar sem dar o máximo, pois se trata de um jogo e como todo jogo ganhar ou perder faz parte, por mais que almejemos ganhar. 

Já que Inês é morta e que seria ingenuidade achar que só o Brasil ganha pensemos nos benefícios, se é que há algum! Como achar forças e humildade pra jogar daqui em diante, não deixando que a moral caia de vez, tratando essa como uma partida isolada, além do que seria bom ver as crianças sonhando com outros futuros que não o futebol.

Ousaria dizer que a Copa do Brasil não apenas está perdida, como mudará a direção do país, tudo isso por causa de uma pequena, redonda, mas soberana bola.  

E ainda se falava em Maracanazo! Uma prova de que não há limites do que pode acontecer se todos os elementos estiverem dispostos num cenário hipotético, ainda por acontecer.


  • Share:

0 comentários